Análise e otimização dos ciclos produtivos

Análise e otimização dos ciclos produtivos através do uso de apropriadas metodologias de tempo e métodos.

O trabalho desenvolvido se baseia nas seguintes fases de estudo e análise:

  • Análise e racionalização de cada fase de produção e descrição de cada fase da produção, fundamentais para a criação de um Sistema de Qualidade. Neste se descreve, com elevada precisão, o metodo de melhor trabalho, evidenciando os pontos em que se pode melhorar, evidenciando os pontos de evolução dentro da própria metodologia. Na individualização de tal método serão garantidas as condições de segurança do empregado, minimizando os esforços, que serão valorizados de modo analítico. Ao final pode ser feito um trabalho de formação profissional aos empregados da produção e aos responsáveis de cada setor da produção.

  • Análise e racionalização do sistema Tempos e Métodos. É verificado o melhor tempo de produção com o auxílio de técnicas para a análise destes tempos. Se oferece à empresa os instrumentos necessários para prosseguir de forma autonôma no controle dos tempos. É oferecido ainda às empresas os instrumentos para observar a execução dos tempos de trabalho afim de valorar a efetividade dos métodos de trabalho desenvolvidos.

  • Estudo dos postos de trabalho procurando sempre uma maior produtividade, economia das matérias primas, ergonomia dos postos de trabalho, economia de energia. Se analisa às ferramentas utilizadas, das mais simples às mais complexas, valorizando a efetiva eficiência e conveniência do uso destas.

  • Estudo da efeiciência dos recursos humanos diretos e indiretos, baseando-se nos resultados do estudo dos Tempos e Métodos, será calculado o "ritmo" de trabalho na produção, individualizando fatores como: metodologia de fluxo dos produtos, físico- ambiental, "climáticos" e eventuais causas que não respeitem os parâmetros de produtividade previstos.